Dominium participa de projeto francês sobre empreendedorismo e carreiras

Intercâmbio com jovens brasileiros e estrangeiros tratou do futuro das relações governamentais e das políticas públicas

Brasília, 29/04/2022

A Dominium foi convidada pela associação francesa “100000 Entrepreneurs” para participar de intercâmbio com jovens brasileiros e estrangeiros do ensino médio sobre empreendedorismo e carreiras e explicar o funcionamento de consultoria de relações governamentais e de Public Affairs. O projeto, apoiado pelo governo Francês, Embaixada da França no Brasil e Agência para o Ensino Francês no Exterior (AEFE) reuniu neste mês na Escola Francesa François Mitterrand, em Brasília, professores, empresários, profissionais sêniores de diferentes atividades e lideranças dos setores público e privado do Brasil e da França. O objetivo das trocas de experiências foi debater com os jovens as profissões do futuro e o mercado de trabalho nacional e internacional. 

“Boa parte dos jovens demonstraram que valorizam muito conceitos ambientais, sociais e de governança, o famoso ESG do mundo corporativo. São percepções também que têm sido faladas entre lideranças públicas. É curioso notar que essa geração leva em conta esses valores antes de se decidirem por uma carreira ou projeto”, disse o Analista Sênior e Gerente de Comunicação da Dominium Gustavo Bernard. Segundo o especialista, muitos alunos, principalmente os estrangeiros, demonstraram, durante as palestras, interesse na carreira de relações governamentais e de políticas públicas por reunir características multidisciplinares, como política, economia, história, comunicação, administração, relações internacionais, marketing e outras atividades complementares. 

“Muitas profissões que esses jovens vão seguir sequer existem hoje. Por isso, a importância de incentivar comportamentos empreendedores, independentemente das escolhas profissionais. Focar na inovação e no aprendizado constante, de forma colaborativa e intensiva. É uma alternativa de sobrevivência nos mercados globais e locais de trabalho. As trocas são para incentivar a reinvenção de carreiras e a construção autônoma de projetos sustentáveis”, afirmou Bernard.  

O projeto francês foca no desenvolvimento de habilidades empreendedoras e na inovação profissional de jovens entre 13 e 25 anos que estudam na França e em países como Brasil, Emirados Árabes, Guiné-Bissau, Sérvia e República Dominicana. Também participaram dos debates no Lycée Français de Brasília os representantes da Legos, AZ Consulting, Engie, Helibras, Instituto Gloria, Cloudez, Medinova Life Sciences, L’Oréal, MT Aeroespace AG, Senado Federal, Receita Federal e UniCEUB.

Fale
Conosco

[caldera_form id="CF617f16b84d6c3"]
©2021 Dominium